R$ +5%
Adicional R$ 7.000,00
Encerrado sem lances
ENCERRADO
  • LOTE
  • 1809 acessos

2ª v. c. sÃo josÉ dos campos

1º Leilão - TER/31/MAR/2020 - 09:00hs
Lances a partir de 100% da avaliação
2º Leilão - TER/28/ABR/2020 - 09:00hs
Lances a partir de 60% da avaliação

ÁREA DE LANCES
PRÓXIMO LANCE:
R$
R$
R$
R$


Descrição do lote: PARTE IDEAL DE 2/3 (DOIS TERÇOS) DE UM TERRENO, SEM BENFEITORIAS, COM A DENOMINAÇÃO ESPECIAL DE “SÍTIO ZINEZI”, e a área de 55.900 m², ou 5,59 ha, assim descrito e caracterizado: Inicia junto à divisa de Jordão Vechiatti, daí segue dividindo com este pelo espigão até encontrar o Ribeirão Ipiranga ou Rio Comprido; daí segue à esquerda por uma cerca de arame que acompanha a Estrada Velha de Guararema (caminho antigo), numa distância de 240 m; deflete à esquerda e segue por um caminho vicinal, numa distância de 73 m até a ponte sobre o Ribeirão Ipiranga ou Rio Comprido, deflete à direita e segue acompanhando o Rio Comprido ou Ribeirão Ipiranga, água abaixo, numa distância de 60 m, confrontando da Estrada (caminho velho) até aqui, com remanescente do imóvel de propriedade de José Benedito Freitas e Outros; deste ponto abandona o Ribeirão, defletindo à esquerda numa distância de 129 m; deflete à direita e segue numa distância de 50 m; deflete à esquerda e segue numa distância de 136 m até encontrar a divisa de Jordão Vechiatti, confrontando do Ribeirão até aqui com José Benedito Freitas e Outros, na divisa de Jorão Vechiatti, encontra o ponto inicial dessas divisas.

Matrícula nº 22.905 do 1º Oficial de Registro de Imóveis da Comarca de Mogi das Cruzes.

CADASTRO INCRA: Cadastrado no INCRA, em maior área, no exercício de 1984 sob código nº 638.145.006.319-DV.9, e os seguintes dados: área total: 43,5; fração mínima de parcelamento: 2,0; módulo fiscal: 7,0; nº de módulos fiscais: 5,52.

CONSTA NOS LAUDOS DE AVALIAÇÃO de setembro de 2018 acostados as folhas 349/390 dos autos a informação de que ambos os imóveis (SÍTIO SÃO VICENTE e SÍTIO ZINEZI) se encontram ocupados, sendo ambos rurais e desmembrados de um mesmo cadastro no INCRA sob nº 638.145.006.319-DV9. Não foi possível obter imagens internas ao nível do solo pois os imóveis encontram-se ocupados e não foi permitida a entrada para realização do trabalho. Porém, isto em nada afetou o resultado final pois o valor do imóvel concentra-se quase que exclusivamente no valor da terra nua. As benfeitorias existentes são quatro residências com baixíssimo valor de construção e cercas de arame farpado e a cultura é formada por pastos abandonados ou com pouca manutenção. Observou-se que no local existem pequenas áreas de vegetação nativa e o restante são áreas formadas por pastos abandonados e/ou sem a devida manutenção. Apesar de tratarem-se de imóveis rurais, os mesmos encontram-se em perímetro urbano. A possibilidade de utilizá-las futuramente como imóvel urbano é mais atraente de que uso rural. Os imóveis mesmos encontram-se a 500m do trevo na altura do Km 5,9 da rodovia SP 66. A área dos dois imóveis é adjacente entre si. Os imóveis estão localizados entre a entrada principal do município de Guararema (Mega Portal) e a estação ferroviária do distrito de Luiz Carlos e distantes a 2,5 Km do Centro da cidade. O acesso ao imóvel é bom e dá-se pela Rodovia Francisco Eróles (pavimentada) e posteriormente pela Avenida Via de Acesso (também pavimentada) ao Centro da cidade. O ponto mais alto das propriedades encontra-se a 628m acima do nível do mar enquanto o mais baixo a 588m, resultando em um desnível de 40m. Os imóveis encontram-se na chamada “Bacia do Rio Paraíba” e contam com a presença de um curso d´água de pequeno porte (Rio Comprido). O mesmo corta as propriedades sentido Oeste-Leste. O Sítio Zinezi também conta com uma “provável” nascente. CLASSIFICAÇÃO DE TERRAS SÍTIO ZINEZI: 17% de terras cultiváveis, aparentemente sem problemas especiais de conservação, 28% de terras adaptadas em geral para pastagens e/ou reflorestamento, sem necessidade de práticas especiais de conservação, 22% de terras impróprias para cultura, pastagem ou reflorestamento (mata nativa), podendo servir apenas como abrigo e proteção de fauna e flora silvestre, como ambiente de recreação, ou para fins de armazenamento de água e 33% de terras impróprias para cultura, pastagem ou reflorestamento (mata ciliar), podendo servir apenas como abrigo e proteção de fauna e flora silvestre, como ambiente de recreação, ou para fins de armazenamento de água. EDIFICAÇÕES: Existem no interior do imóvel avaliado cercas de arame farpado, cercas de madeira e 4 benfeitorias sendo duas casas, um curral e um cerado para gado. EDIFICAÇÃO 1 – Trata-se de cocheira com 120m2 e medindo 22m de frente x 10 m de fundo. EDIFICAÇÃO 2 – Trata-se de residência com 66 m2 e medindo 10m de frente x 6,6m de fundo, construída em alvenaria rebocada, telhado de telhas francesas e parcialmente destruída. EDIFICAÇÃO 3 – Trata-se de residência avarandada com 170m2 medindo 16m + 10,6m, construída em alvenaria rebocada e telha de cimento amianto. EDIFICAÇÃO 4 – Trata-se de uma estrutura para apartar e confinar gado.

Para maiores informações acesse o edital e os documentos nas respectivas abas ao lado.